Monthly Archives: July 2013

Banhos

 

Caros Leitores,

Parece que a silly season já começou não pela falta de notícias mas pelo teor das mesmas.

A linha do discurso aproveitará a ocasião para ir a banhos e regressará revitalizada e com a esperança de que na altura já haja governo.

 

Cumprimentos,

André Peixoto

Baralho de Cartas

 

Após a queda da primeira carta o baralho ruiu sem grande surpresa. A tão aguardada e importante reforma do Estado não está concluída e o consenso inicial aquando da tomada de posse do Governo foi totalmente desperdiçado por adiar constantemente a dita reforma para só agora perceber que será cada vez mais difícil.

A maior parte das pessoas e empresas já fizeram o seu ajustamento e o Governo ainda não fez nada em relação ao seu, essa imagem é deveras penalizadora para o Governo e demonstra a incapacidade de governar e aproveitar os consensos que agora irão cada vez mais rarear.

A iminência de um segundo resgate parece ser cada vez mais inegável e não podemos esquecer que o Fundo Monetário Internacional já não irá pertencer à troika. Agora o dueto irá engrossar a voz e querer impor um ritmo mais forte. O FMI era a única instituição da troika que já tinha afirmado a sua discórdia quanto à receita aplicada.

Se o governo nunca se entendeu quando tinha a maioria e todos os consensos para governar e reformular, não será com um governo minoritário que o irá fazer.

Não se iludam, o pior ainda está para vir.